Começa a duplicação da rodovia Euclides da Cunha

março 28, 2011 4 Comentários »

No sábado (26/3), acompanhei o governador Geraldo Alckmin no anúncio da duplicação de 191,4 quilômetros da rodovia Euclides da Cunha (SP-320) que vai de Mirassol a Rubinéia. A previsão é que os primeiros trechos duplicados fiquem prontos no prazo de um ano.

A boa notícia que levamos aos motoristas que utilizam aquela rodovia e aos moradores da região é que não haverá pedágio na SP-320. A duplicação vai custar R$ 774 milhões e será toda feita com recursos públicos.

Ao todo serão 184,7 km duplicados em oito lotes. Em Mirassol e Bálsamo serão duplicados 24,1 km; em Tanabi e Cosmorama, 23,3 km; em Votuporanga, 23,3 km; em Valentim Gentil e Meridiano, 22,9 km; em Fernandópolis, 21,4 km; em Estrela D’Oeste e Jales, 25,4 km; em Urânia, Santa Salete e Aspásia, 16,6 km; em Santana da Ponte Pensa, Três Fronteiras, Santa Fé do Sul e Santa Clara D’Oeste serão duplicados 29,5 km.

No último dia 10, o governador Geraldo Alckmin assinou o decreto de desapropriação de áreas nas margens da Rodovia Euclides da Cunha (SP-320), necessárias para a duplicação da via. As propriedades que serão desapropriadas ficam entre os km 453, nos municípios de Mirassol e Bálsamo, e 639, em Rubinéia, que compreende uma área total de 3.382.389,53 m². O valor previsto das desapropriações é de R$ 26 milhões.

A duplicação da rodovia foi dividida em oito lotes. O objetivo é inaugurar trechos da duplicação antes do prazo previsto em 24 meses.  O projeto de duplicação prevê ainda a construção de 43 obras de arte ao longo da rodovia. Como deputado estadual, consegui incluir no projeto original a duplicação de duas vicinais, sendo 3,6 quilômetros da rodovia Péricles Bellini e outro 1,8 quilômetro da vicinal Perci Semeghini, que fazem entroncamento com a Euclides da Cunha.

thumb

Faça parte da nossa rede

Acompanhe nosso trabalho, opine, pergunte, participe!

- Facebook
- Twitter
- Orkut
- LinkedIn

Posts Relacionados

4 comentários

  1. José Carlos Rodrigues 30 de março de 2011 at 10:55 -

    Caro Rodrigo

    Você, como profundo conhecedor de nossa Região, conhece a perigosa curva da Rodovia Euclides da Cunha ao entrar na Washigton Luiz, no município de Mirassol. É necessário ao duplicar a pista eliminar essa curva. O ideal seria no local, abrir uma entrada para Jaci, passando por Mirassol e ligando a vicinal já existente. Pense no assunto e se possível discuta com nosso governador.

  2. Tadeu Gouveia 17 de abril de 2011 at 21:17 -

    Meu caro José Carlos Rodrigues, a tal curva perigosa é calculada e foi executada conforme a norma descreve, o problema é que ela deve ser feita a 40Km/h o que não acontece, ocasionando acidentes.
    Portanto, o acidente não se deve a curva perigosa mas sim pelo desrespeito às leis de trânsito.
    Enfim, basta respeitar, porque nós Engenheiros não fizemos cinco anos de faculdade, mais dois de especialização para poder calcular uma curva como a referida e as pessoas não respeitarem.
    Pense nisso!!!

  3. Douglas de Bálsamo 23 de abril de 2011 at 5:59 -

    SP320 sem pedágio? Aí sim fomos surpreendidos novamente!! Parabéns pela iniciativa!
    Espero ansioso pela conclusão desta obra!

  4. Amauri Aparecido Ribeiro 21 de julho de 2011 at 18:51 -

    Boa tarde – Caro Rodrigo, tenho uma empresa de Hidrossemeadura e Construções e gostaria de obter informações sobre as empresas Construtora – Tenho interesse em trabalhos nesta Rodovias.

    Amauri
    Engº Agrimensor.

Deixe sua resposta