ATUAÇÃO

Até o final de março, Prefeitura de São Paulo só aceitará alvarás pela Internet

26 de março de 2010

rg_alvara_ruy

Secretário Rodrigo Garcia (quarto da esq. para a dir.); Presidente do CRC SP Domingos Orestes Chiomento (quinto da esq. para a dir.), ladeados pelos integrantes do Conselho Diretor do CRC SP Jairo Pinto, Luiz Fernando Nóbrega, Gildo Freire de Araujo, Claudio Avelino Mac-Knight Filippi e Joaquim Carlos Monteiro de Carvalho.

Nesta segunda-feira, 15 de março, o secretário de Modernização, Gestão e Desburocratização da Prefeitura de São Paulo, Rodrigo Garcia, que esteve na sede do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo, declarou que todos os alvarás de funcionamento de baixo risco, NR1 e NR2, para imóveis de até 1.500 metros quadrados, deverão ser feitos necessariamente pela Internet até o fim do mês de março, quando o prefeito Gilberto Kassab assinará o decreto.

Contudo, a medida já está em funcionamento na cidade há mais de sete meses. “O serviço eletrônico é mais rápido e eficaz, por isso a criação dessa medida, que visa induzir os proprietários de imóveis a utilizarem o meio eletrônico para obter resultados mais imediatos”, explicou o secretário.

Segundo Garcia, são recebidos anualmente de 35 a 40 mil pedidos de alvarás na cidade de São Paulo, sendo que destes, apenas 10% são atendidos, ou seja, cerca de cinco mil. Com o sistema online, o objetivo é desburocratizar e atender o maior número possível de pedidos.

O presidente do CRC SP, Domingos Orestes Chiomento, disse que essa medida é muito bem-vinda para a Classe Contábil, já que na maioria dos casos os Contabilistas são responsabilizados pelos atrasos nos pedidos de alvarás.

O secretário participou do plenário da Casa, onde estavam presentes diretores e conselheiros do CRC SP e, na oportunidade, conheceu também o Centro de Memória da Contabilidade Paulista e parte das novas instalações do Conselho.

COMENTÁRIOS (0)

Desejo receber os boletins informativos de Rodrigo Garcia.

ATUAÇÃO

Até o final de março, Prefeitura de São Paulo só aceitará alvarás pela Internet

rg_alvara_ruy

Secretário Rodrigo Garcia (quarto da esq. para a dir.); Presidente do CRC SP Domingos Orestes Chiomento (quinto da esq. para a dir.), ladeados pelos integrantes do Conselho Diretor do CRC SP Jairo Pinto, Luiz Fernando Nóbrega, Gildo Freire de Araujo, Claudio Avelino Mac-Knight Filippi e Joaquim Carlos Monteiro de Carvalho.

Nesta segunda-feira, 15 de março, o secretário de Modernização, Gestão e Desburocratização da Prefeitura de São Paulo, Rodrigo Garcia, que esteve na sede do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo, declarou que todos os alvarás de funcionamento de baixo risco, NR1 e NR2, para imóveis de até 1.500 metros quadrados, deverão ser feitos necessariamente pela Internet até o fim do mês de março, quando o prefeito Gilberto Kassab assinará o decreto.

Contudo, a medida já está em funcionamento na cidade há mais de sete meses. “O serviço eletrônico é mais rápido e eficaz, por isso a criação dessa medida, que visa induzir os proprietários de imóveis a utilizarem o meio eletrônico para obter resultados mais imediatos”, explicou o secretário.

Segundo Garcia, são recebidos anualmente de 35 a 40 mil pedidos de alvarás na cidade de São Paulo, sendo que destes, apenas 10% são atendidos, ou seja, cerca de cinco mil. Com o sistema online, o objetivo é desburocratizar e atender o maior número possível de pedidos.

O presidente do CRC SP, Domingos Orestes Chiomento, disse que essa medida é muito bem-vinda para a Classe Contábil, já que na maioria dos casos os Contabilistas são responsabilizados pelos atrasos nos pedidos de alvarás.

O secretário participou do plenário da Casa, onde estavam presentes diretores e conselheiros do CRC SP e, na oportunidade, conheceu também o Centro de Memória da Contabilidade Paulista e parte das novas instalações do Conselho.

COMENTÁRIOS (0)

Desejo receber os boletins informativos de Rodrigo Garcia.