ATUAÇÃO

Cidade de São Paulo é modelo de acessibilidade

27 de janeiro de 2010

acessibilidade

“É uma honra receber um prêmio internacional que reconhece os esforços que fizemos para facilitar a vida dos munícipes de São Paulo” – Rodrigo Garcia

A cidade de São Paulo foi premiada pela AHCIET – Associação Iberoamericana de Centros de Pesquisa e Empresas de Telecomunicações pela melhor prática cujo objetivo seja facilitar o acesso ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) de seus cidadãos. O prêmio é uma conquista da PRODAM – Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo,  ligada à Secretaria de Modernização, Gestão e Desburocratização.

Cidade Digital é uma meta a ser alcançada por diversos municípios de todo o mundo. O conceito de uma Cidade Digital não é oferecer apenas internet gratuita, e sim, um conceito amplo de serviços oferecidos aos cidadãos.

Algumas associações realizam premiações a melhores práticas em Tecnologia da Informação – TI pública como forma de estímulo a essas ações. A AHCIET é uma delas. É uma instituição privada sem fins lucrativos, criada em 1982 e tem no seu quadro mais de 50 empresas operadoras de telecomunicação e TI em 20 países da América Latina, Caribe e Espanha.

A AHCIET, com a finalidade de identificar e premiar boas práticas de governos locais que tenham como resultado a melhoria da qualidade de vida de sua comunidade por meio do uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs), realizou pelo quinto ano consecutivo o Prêmio Iberoamericano de Cidades Digitais.

O prêmio possui cinco categorias: três gerais, que engloba cidade grande (mais de 750 mil habitantes), cidade mediana (entre 100 mil e 750 mil habitantes) e cidade pequena (menos de 100 mil habitantes). E mais dois prêmios especiais: Seguridade Pública, para melhor prática na inclusão das Tecnologias da Informação e Comunicação no âmbito Seguridade Pública e e-inclusão, premiação da melhor prática cujo objetivo seja facilitar o acesso ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) de seus cidadãos.

Esta última, foi a categoria que a PRODAM venceu. O resultado foi anunciado em abril do ano passado. A PRODAM é responsável pela estrutura tecnológica de uma das maiores metrópoles do mundo. Segundo secretário Rodrigo Garcia, a empresa vem se esforçado para conseguir expandir a rede de serviços aos cidadãos, e foi reconhecida internacionalmente por isso.

 

RANKING MOTOROLA DE CIDADES DIGITAIS 

A empresa também participa do Ranking Motorola de Cidades Digitais, que consiste em um estudo desenvolvido por Convergencia Research com o objetivo de revelar o avanço das Cidades Digitais na América Latina. Das 500 cidades inscritas apenas 25 foram classificadas.  Devido ao grande número de cidades inscritas, a Convergencia Research, decidiu selecionar as 25 cidades que obtiveram as pontuações mais altas, e São Paulo ficou em segundo lugar.

COMENTÁRIOS (0)

Desejo receber os boletins informativos de Rodrigo Garcia.

ATUAÇÃO

Cidade de São Paulo é modelo de acessibilidade

acessibilidade

“É uma honra receber um prêmio internacional que reconhece os esforços que fizemos para facilitar a vida dos munícipes de São Paulo” – Rodrigo Garcia

A cidade de São Paulo foi premiada pela AHCIET – Associação Iberoamericana de Centros de Pesquisa e Empresas de Telecomunicações pela melhor prática cujo objetivo seja facilitar o acesso ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) de seus cidadãos. O prêmio é uma conquista da PRODAM – Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo,  ligada à Secretaria de Modernização, Gestão e Desburocratização.

Cidade Digital é uma meta a ser alcançada por diversos municípios de todo o mundo. O conceito de uma Cidade Digital não é oferecer apenas internet gratuita, e sim, um conceito amplo de serviços oferecidos aos cidadãos.

Algumas associações realizam premiações a melhores práticas em Tecnologia da Informação – TI pública como forma de estímulo a essas ações. A AHCIET é uma delas. É uma instituição privada sem fins lucrativos, criada em 1982 e tem no seu quadro mais de 50 empresas operadoras de telecomunicação e TI em 20 países da América Latina, Caribe e Espanha.

A AHCIET, com a finalidade de identificar e premiar boas práticas de governos locais que tenham como resultado a melhoria da qualidade de vida de sua comunidade por meio do uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs), realizou pelo quinto ano consecutivo o Prêmio Iberoamericano de Cidades Digitais.

O prêmio possui cinco categorias: três gerais, que engloba cidade grande (mais de 750 mil habitantes), cidade mediana (entre 100 mil e 750 mil habitantes) e cidade pequena (menos de 100 mil habitantes). E mais dois prêmios especiais: Seguridade Pública, para melhor prática na inclusão das Tecnologias da Informação e Comunicação no âmbito Seguridade Pública e e-inclusão, premiação da melhor prática cujo objetivo seja facilitar o acesso ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) de seus cidadãos.

Esta última, foi a categoria que a PRODAM venceu. O resultado foi anunciado em abril do ano passado. A PRODAM é responsável pela estrutura tecnológica de uma das maiores metrópoles do mundo. Segundo secretário Rodrigo Garcia, a empresa vem se esforçado para conseguir expandir a rede de serviços aos cidadãos, e foi reconhecida internacionalmente por isso.

 

RANKING MOTOROLA DE CIDADES DIGITAIS 

A empresa também participa do Ranking Motorola de Cidades Digitais, que consiste em um estudo desenvolvido por Convergencia Research com o objetivo de revelar o avanço das Cidades Digitais na América Latina. Das 500 cidades inscritas apenas 25 foram classificadas.  Devido ao grande número de cidades inscritas, a Convergencia Research, decidiu selecionar as 25 cidades que obtiveram as pontuações mais altas, e São Paulo ficou em segundo lugar.

COMENTÁRIOS (0)

Desejo receber os boletins informativos de Rodrigo Garcia.