ATUAÇÃO

Rodrigo inaugura Bom Prato Cidade Dutra, na zona sul da Capital

26 de outubro de 2021

O governador do Estado de São Paulo em exercício, Rodrigo Garcia, acompanhado do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, e da secretária de Estado de Desenvolvimento Social Célia Parnes inaugurou na manhã desta terça-feira (26/10/2021) o Bom Prato Cidade Dutra, na zona sul do município de São Paulo. A nova unidade servirá 2,1 mil refeições diárias (300 cafés da manhã, 1,5 mil almoços e 300 jantares), com investimento estadual anual de R$ 2,3 milhões.

“Neste momento, as pessoas necessitam de um Bom Prato cada vez mais perto de sua comunidade. Por isso, entregamos esta unidade e temos mais duas já autorizadas na Capital para entregar daqui a seis meses”, afirmou Rodrigo Garcia.

Durante a cerimônia, também foi assinado o autorizo para as obras dos restaurantes Bom Prato de Parelheiros e M’Boi Mirim, ambos na zona sul da Capital paulista. Além desta inauguração em Cidade Dutra, a atual gestão já inaugurou outras três unidades do Bom Prato: São Bernardo do Campo (2019), Cubatão (2019) e Itapevi (2020). Foram também revitalizados quatro equipamentos: Paraisópolis, Limeira, Tucuruvi e Guaianases.

“Essa nova unidade do Bom Prato é de grande valia para a zona sul da Capital, região de alta vulnerabilidade social, e a nossa gestão é sensível e comprometida em garantir a segurança alimentar da população mais fragilizada”, destacou Célia Parnes, secretária estadual de Desenvolvimento Social.

O Bom Prato é o maior programa de restaurantes populares da América Latina, com 59 restaurantes em todo o Estado. Durante a pandemia, o Governo do Estado implementou diversas medidas no serviço para garantir a segurança alimentar da população em maior vulnerabilidade social.

Entre elas, a gratuidade das refeições para a população em situação de rua e oferta de jantares na rede Bom Prato, iniciativas que foram prorrogadas até 31 de dezembro. Em todo esse período, já são quase 52 milhões de refeições servidas, sendo 1,2 milhão oferecidas gratuitamente para as pessoas em situação de rua devidamente cadastradas pelos municípios.

COMENTÁRIOS (0)

Os comentários estão fechados!

ATUAÇÃO

Rodrigo inaugura Bom Prato Cidade Dutra, na zona sul da Capital

O governador do Estado de São Paulo em exercício, Rodrigo Garcia, acompanhado do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, e da secretária de Estado de Desenvolvimento Social Célia Parnes inaugurou na manhã desta terça-feira (26/10/2021) o Bom Prato Cidade Dutra, na zona sul do município de São Paulo. A nova unidade servirá 2,1 mil refeições diárias (300 cafés da manhã, 1,5 mil almoços e 300 jantares), com investimento estadual anual de R$ 2,3 milhões.

“Neste momento, as pessoas necessitam de um Bom Prato cada vez mais perto de sua comunidade. Por isso, entregamos esta unidade e temos mais duas já autorizadas na Capital para entregar daqui a seis meses”, afirmou Rodrigo Garcia.

Durante a cerimônia, também foi assinado o autorizo para as obras dos restaurantes Bom Prato de Parelheiros e M’Boi Mirim, ambos na zona sul da Capital paulista. Além desta inauguração em Cidade Dutra, a atual gestão já inaugurou outras três unidades do Bom Prato: São Bernardo do Campo (2019), Cubatão (2019) e Itapevi (2020). Foram também revitalizados quatro equipamentos: Paraisópolis, Limeira, Tucuruvi e Guaianases.

“Essa nova unidade do Bom Prato é de grande valia para a zona sul da Capital, região de alta vulnerabilidade social, e a nossa gestão é sensível e comprometida em garantir a segurança alimentar da população mais fragilizada”, destacou Célia Parnes, secretária estadual de Desenvolvimento Social.

O Bom Prato é o maior programa de restaurantes populares da América Latina, com 59 restaurantes em todo o Estado. Durante a pandemia, o Governo do Estado implementou diversas medidas no serviço para garantir a segurança alimentar da população em maior vulnerabilidade social.

Entre elas, a gratuidade das refeições para a população em situação de rua e oferta de jantares na rede Bom Prato, iniciativas que foram prorrogadas até 31 de dezembro. Em todo esse período, já são quase 52 milhões de refeições servidas, sendo 1,2 milhão oferecidas gratuitamente para as pessoas em situação de rua devidamente cadastradas pelos municípios.

COMENTÁRIOS (0)

Os comentários estão fechados!