ATUAÇÃO

Vice Rodrigo acompanha Dia D de vacinação em SP

5 de junho de 2021

Vice acompanha aplicação de segunda dose em idoso em sua residência

Iniciativa busca imunizar 403 mil pessoas que já ultrapassaram os prazos de 28 dias para a vacina do Butantan e de 12 semanas para a da Fiocruz/Astrazeneca

O Governo de São Paulo promoveu neste sábado (5/6/2021) o Dia D para a aplicação da segunda dose da vacina contra COVID-19 que está atrasada. A iniciativa, em parceria com municípios, quer vacinar mais de 403 mil pessoas que não completaram o seu esquema vacinal. O vice-governador e secretário de Governo do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, acompanhou a vacinação na Vila Chuca.

Mais de 5 mil pontos de vacinação no Estado estiveram abertos das 7 às 18h para a aplicação exclusivamente da segunda dose. Foram vacinadas as pessoas que estão com mais de 28 dias atrasados em relação a doses da vacina do Butantan e mais de 12 semanas do imunizante da Fiocruz/AstraZeneca.

A Secretaria de Estado da Saúde ainda disponibilizou um recurso (etapas) para os profissionais de saúde dos municípios para que todos possam abrir suas unidades e ter uma equipe completa para a vacinação da população.  As cidades que eventualmente não tiveram segundas doses atrasadas puderam utilizar a data e os recursos para atualizar o sistema VaciVida e inserir imunizados que eventualmente ainda não haviam registradas.

Levantamento da Secretaria de Estado da Saúde de quinta-feira (3), apontava que 403.323 pessoas que já tinham recebido a primeira dose dos imunizantes estavam com a segunda dose atrasada. O total incluiu 139.826 pessoas que não tomaram a vacina da Fiocruz/AstraZeneca e outros 263.497 referentes à vacina do Butantan (Coronavac).

Balanço

O Estado de São Paulo aplicou 119.450 vacinas contra COVID-19 neste sábado (5), Dia D, até as 18h16. A iniciativa foi realizada pelo Governo do Estado em parceria com as prefeituras. Mais de 5 mil pontos de vacinação ficaram abertos em todo Estado no decorrer do dia e a população também aproveitou para tomar a primeira dose. Hoje, 92.569 pessoas deram início ao seu esquema vacinal e deverão retornar aos postos dentro dos prazos indicados para cada imunizante.

“Conseguimos resultados importantes e agradecemos a todos os que compareceram aos postos e aos que trabalharam neste dia. Queremos e precisamos avançar mais, pois, somente com a segunda dose é possível garantir a proteção”, afirma a coordenadora do Programa Estadual de Imunização, Regiane de Paula. O balanço do início desta noite contabiliza 333.990 faltosos.

COMENTÁRIOS (0)

Os comentários estão fechados!

ATUAÇÃO

Vice Rodrigo acompanha Dia D de vacinação em SP

Vice acompanha aplicação de segunda dose em idoso em sua residência

Iniciativa busca imunizar 403 mil pessoas que já ultrapassaram os prazos de 28 dias para a vacina do Butantan e de 12 semanas para a da Fiocruz/Astrazeneca

O Governo de São Paulo promoveu neste sábado (5/6/2021) o Dia D para a aplicação da segunda dose da vacina contra COVID-19 que está atrasada. A iniciativa, em parceria com municípios, quer vacinar mais de 403 mil pessoas que não completaram o seu esquema vacinal. O vice-governador e secretário de Governo do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, acompanhou a vacinação na Vila Chuca.

Mais de 5 mil pontos de vacinação no Estado estiveram abertos das 7 às 18h para a aplicação exclusivamente da segunda dose. Foram vacinadas as pessoas que estão com mais de 28 dias atrasados em relação a doses da vacina do Butantan e mais de 12 semanas do imunizante da Fiocruz/AstraZeneca.

A Secretaria de Estado da Saúde ainda disponibilizou um recurso (etapas) para os profissionais de saúde dos municípios para que todos possam abrir suas unidades e ter uma equipe completa para a vacinação da população.  As cidades que eventualmente não tiveram segundas doses atrasadas puderam utilizar a data e os recursos para atualizar o sistema VaciVida e inserir imunizados que eventualmente ainda não haviam registradas.

Levantamento da Secretaria de Estado da Saúde de quinta-feira (3), apontava que 403.323 pessoas que já tinham recebido a primeira dose dos imunizantes estavam com a segunda dose atrasada. O total incluiu 139.826 pessoas que não tomaram a vacina da Fiocruz/AstraZeneca e outros 263.497 referentes à vacina do Butantan (Coronavac).

Balanço

O Estado de São Paulo aplicou 119.450 vacinas contra COVID-19 neste sábado (5), Dia D, até as 18h16. A iniciativa foi realizada pelo Governo do Estado em parceria com as prefeituras. Mais de 5 mil pontos de vacinação ficaram abertos em todo Estado no decorrer do dia e a população também aproveitou para tomar a primeira dose. Hoje, 92.569 pessoas deram início ao seu esquema vacinal e deverão retornar aos postos dentro dos prazos indicados para cada imunizante.

“Conseguimos resultados importantes e agradecemos a todos os que compareceram aos postos e aos que trabalharam neste dia. Queremos e precisamos avançar mais, pois, somente com a segunda dose é possível garantir a proteção”, afirma a coordenadora do Programa Estadual de Imunização, Regiane de Paula. O balanço do início desta noite contabiliza 333.990 faltosos.

COMENTÁRIOS (0)

Os comentários estão fechados!